Rolling Stone Brasil
Busca
Facebook Rolling Stone BrasilTwitter Rolling Stone BrasilInstagram Rolling Stone BrasilSpotify Rolling Stone BrasilYoutube Rolling Stone BrasilTiktok Rolling Stone Brasil
Notícias / LUTO

Morgan Spurlock, diretor de Super Size Me, morre aos 53 anos

Cineasta chegou a ser indicado ao Oscar com o documentário, que denunciava os malefícios das redes de fast food, e ainda produziu uma sequência

Henrique Nascimento (@hc_nascimento)
por Henrique Nascimento (@hc_nascimento)

Publicado em 24/05/2024, às 14h45 - Atualizado às 15h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Morgan Spurlock, diretor de Super Size Me, morre aos 53 anos (Foto: Neilson Barnard/Getty Images)
Morgan Spurlock, diretor de Super Size Me, morre aos 53 anos (Foto: Neilson Barnard/Getty Images)

Morgan Spurlock, diretor de Super Size Me - A Dieta do Palhaço, que denunciava os malefícios da indústria alimentícia, especialmente as redes de fast food, morreu aos 53 anos, na última quinta-feira (23), devido a complicações de um câncer.

A informação foi confirmada pela família de Spurlock: "É um dia triste, quando nos despedimos do meu irmão Morgan”, afirmou Craig Spurlock, que colaborou com o irmão em diversos projetos [via Variety].

“Morgan deu muito por meio de sua arte, de suas ideias e de sua generosidade. Hoje o mundo perdeu um verdadeiro gênio criativo e um homem especial. Estou muito orgulhoso de ter trabalhado com ele", ainda disse.

A Dieta do Palhaço

Morgan Spurlock ganhou notoriedade com o sucesso de Super Size Me - A Dieta do Palhaço, documentário lançado em 2004. Nele, o cineasta passava trinta dias comendo apenas lanches do McDonald's, para provar o quão prejudiciais alimentos de redes de fast food poderiam ser para a saúde.

Durante o experimento, ele engordou 11kg e lidou com aumentos de colesterol e da pressão arterial. No entanto, o documentário ajudou a elucidar os problemas das redes de fast food e a provocar mudanças pontuais na indústria. Assista ao trailer:

Além disso, Super Size Me - A Dieta do Palhaço ainda foi indicado ao Oscar de Melhor Documentário em 2005 e, em 2019, Spurlock ainda lançou uma sequência, Super Size Me 2: O Frango Nosso de Cada Dia, em que investigava se as redes de fast food estavam sendo mais saudáveis, como prometiam, ao mesmo tempo em que criava a sua própria lanchonete seguindo os mesmos princípios. Confira: