Rolling Stone Brasil
Busca
Facebook Rolling Stone BrasilTwitter Rolling Stone BrasilInstagram Rolling Stone BrasilSpotify Rolling Stone BrasilYoutube Rolling Stone BrasilTiktok Rolling Stone Brasil
Cinema / EXIGÊNCIAS

Elenco de A Bruxa de Blair pede pagamentos residuais e exige consulta para novos filmes

Novo filme baseado no clássico de 1999 foi anunciado durante a CinemaCon deste ano e será produzido pela Blumhouse, de Atividade Paranormal

Henrique Nascimento (@hc_nascimento)
por Henrique Nascimento (@hc_nascimento)

Publicado em 22/04/2024, às 12h40

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Elenco de A Bruxa de Blair pede pagamentos residuais e exige consulta para novos filmes (Foto: Divulgação)
Elenco de A Bruxa de Blair pede pagamentos residuais e exige consulta para novos filmes (Foto: Divulgação)

Heather Donahue, Joshua Leonard e Michael Williams, estrelas de A Bruxa de Blair, clássico do gênero found footage, que ganhará um novo filme em breve, reivindicaram pagamentos retroativos e futuros de residuais do longa, por licenciamentos para TV/streaming e produção de reboots ou continuações.

Em uma carta aberta, divulgada no Facebook, o trio pediu "pagamento de residuais por serviços de atuação no A Bruxa de Blair original, equivalente à quantia que seria alocada pelo SAG-AFTRA [Sindicato de Atores de Hollywood], caso tivéssemos representação sindical quando fizemos o filme".

Eles ainda exigiram que a Lionsgate, detentora dos direitos da franquia, consulte os atores, "de maneira significativa", ao realizar novas produções que "venham a utilizar nossos nomes ou rostos, seja em materiais promocionais ou no próprio produto".

+++LEIA MAIS: A Bruxa de Blair ganhará novo filme pela produtora de Atividade Paranormal

"O nosso filme já passou por dois reboots, e nas duas vezes os filmes foram uma decepção do ponto de vista dos fãs, do público e da crítica. Nenhum desses reboots tiveram qualquer envolvimento criativo do time original. Como as pessoas que criaram A Bruxa de Blair, e que têm ouvido às reivindicações do fãs há 25 anos, podemos ser a arma secreta mais valiosa do estúdio", escreveram.

Por fim, Donahue, Leonard e Williams pediram pela criação de um fundo de incentivo para ajudar cineastas a produzir o seu filme de estreia. O prêmio seria distribuído anualmente, no valor de US$ 60 mil, mesma quantia usada para fazer A Bruxa de Blair. Até o momento, a Lionsgate não se pronunciou sobre as exigências.

+++LEIA MAIS: Os 10 melhores filmes de terror de todos os tempos, segundo os leitores da Rolling Stone EUA

Em A Bruxa de Blair, lançado em 1999, três jovens cineastas desaparecem ao entrar em uma floresta em Maryland, na região nordeste dos Estados Unidos, para investigar uma lenda local. Anos depois, a câmera que usavam para registrar o filme é encontrada, revelando o que aconteceu com o grupo.

O longa se tornou um sucesso, principalmente pelo aspecto caseiro da produção - o que levou muita gente a acreditar que os eventos da produção eram reais -, e arrecadou quase US$ 250 milhões em bilheteria mundialmente.

Devido ao sucesso, A Bruxa de Blair foi revisitado em duas oportunidades: primeiro em 2002, com A Bruxa de Blair 2: O Livro das Sombras, e depois em 2016, com Bruxa de Blair. No entanto, nenhuma das sequências teve o mesmo sucesso do longa original.

Para qual lançamento de 2024 você está mais ansioso? Vote em seu filme favorito!

  • Rivais (25 de abril)
  • Love Lies Bleeding - O Amor Sangra (1º de maio)
  • Planeta dos Macacos: O Reinado (23 de maio)
  • Furiosa: Uma Saga Mad Max (23 de maio)
  • Divertida Mente 2 (Junho)
  • Um Lugar Silencioso: Dia Um (28 de junho)
  • Deadpool 3 (25 de julho)
  • Armadilha (Agosto)
  • Borderlands (8 de agosto)
  • O Corvo (22 de agosto)
  • Os Fantasmas Ainda se Divertem (5 de setembro)
  • Late Night with the Devil (26 de setembro)
  • Coringa 2 (4 de outubro)
  • Venom 3 (25 de outubro)
  • Gladiador 2 (22 de novembro)
  • Wicked (27 de novembro)
  • Moana 2 (27 de novembro)